Títulos públicos: o que são? Como investir?

7

Seguro, estável e previsível. Não só a poupança tem esses títulos. Muitos outros ativos levam consigo, além desses adjetivos, maior rentabilidade. Se interessou? Se liga então!

Títulos públicos são ativos de renda-fixa. Você se lembra dela? Aquele tipo de investimento que se baseia em uma taxa (Selic, CDI, inflação) e que são previsíveis e estáveis. Pois bem, os títulos públicos são ativos garantidos pelo Governo Federal!!

 

Através do programa Tesouro Direto, o governo federal emite ativos de renda fixa. Em resumo, funcionam da seguinte maneira: ao comprar títulos, você ‘empresta’ dinheiro ao governo. Ao final, você recebe o valor depositado + juros e taxas.

 

As vendas desses títulos são destinadas ao financiamento de ações como, por exemplo, educacionais, saúde e infraestrutura. Ao comprar um título ainda, o investidor tem acesso ao valor que receberá ao final. Sendo então um investimento seguro e previsível.

 

Ele ainda permite que você escolha a forma e prazo de remuneração. Podendo investir a curto, médio ou longo prazo. A liquidez desses ativos é também um atrativo. Isso porque ela é diária!! Ou seja, é possível retirar o dinheiro a qualquer hora, independente de seu prazo final.

 

Não tem um capital inicial alto? Esses ativos são ideais para você. A partir de R$30 você consegue comprar títulos e investir em Títulos Públicos.

 

Conheça então os 3 tipos de títulos públicos possíveis de serem comprados: Tesouro Prefixado, Tesouro Selic e Tesouro IPCA +. Os dois últimos possuem rentabilidade pós-fixada, ou seja, que acompanha a Selic. Sendo interessantes ativos a curto prazo.

 

Agora já está interessado, né? Como começar a investir então?

 

  1. Abra conta em um banco ou corretora
  2. Analise os títulos, escolha o que mais te interesse e encaixe com seu estilo de vida. Se ligue nas taxas
  3. Invista!! De forma rápida e prática, os aplicativos de corretoras te dão todas as informações necessárias para um negócio consciente.